Categorias:


Olá leitores amados!!! Hoje o texto foi baseado em um comentário do Nielton, amigo da internet que para minha alegria também está lendo e comentando aqui nas crônicas:
 "Para justificar a falta de educação em não responder um bom dia, boa tarde, jogamos a culpa na correria (resposta para quase tudo)". Pois deste comentário foi feito o texto abaixo. 
Espero que ajudem vocês a refletirem e que traga alguma contribuição para a vida de todos vocês.

Cliquem no play e ótima leitura.


***********

Falta de tempo ou de educação?
Resultado de imagem para correria tumblr
Eita que, com certeza, muitos de nós já perdeu o número de vezes que foi "atropelado" na porta do ônibus devido a algum apressadinho que estava com pressa de entrar (como se essa pessoa entrando o motorista não fosse esperar o restante das pessoas subirem); ou do colega de trabalho que nem dá bom dia porque o relatório que tem que fazer é mais urgente; ou a pessoa que ao passar por outras,  sente (somente naquele instante da passagem), uma dor de cabeça imensa e por isso não olha para cara de ninguém; ou pela situação da criatura sem noção que chega no caixa do supermercado, da farmácia, dos correios e nem olha para quem está lhe atendendo pelo fato simples de estar com muita pressa.

Pressa ou falta de educação? Dar um "bom dia", um "oi", um "boa tarde", "até logo" nada tem haver com pressa coisa nenhuma, tem haver com falta de educação mesmo. Claro que existem pessoas mais reservadas que não são muito de papo mas será que dói tanto dizer: oi? Ou quem sabe: apenas balançar a cabeça silenciosamente mas mostrando um "olá" mudo? Está valendo também!!

O problema é que estamos com a desculpite da correria: a dor de cabeça é devido o dia corrido, a falta de educação é devido estarmos correndo, a refeição mal feita é devido não termos tempo de comer de forma saudável; o trabalho da aula não entregue é devido a correria para estudar para as outras matérias; a falta de alguma coisa em casa é devido ao engarrafamento que, quando livre dele, fez a correria entrar em jogo para chegar em casa antes da noite (aqui no sul essa desculpa não pega já que no alto inverno 18 hr é noite já, ou seja, anoitece mesmo estando cedo); o não envio de uma mensagem de feliz aniversário é devido a correria do dia a dia...aaaaaaaaiiiiiiiiiiieeeeeeeeeee, será que correria virou resposta para tudo?
Imagem relacionada
Vamos todos admitir que não comemos saudável porque não queremos, que não damos oi para o porteiro do prédio porque somos pessoas mal humoradas sim, que não temos algo em casa porque ficamos com preguiça de passar no supermercado e enfrentar a fila grande que se forma depois das 18 hr e que só pensávamos na série ou novela que queríamos assistir, vamos admitir que não fizemos o trabalho de aula porque escolhemos dormir ou ficar mexendo no celular, vamos admitir que a dor de cabeça é desculpa para não chegarmos perto de algumas pessoas, vamos admitir a verdade e parar de colocar a culpa na correria.

E a respeito da correria que tal pesquisarmos dicas de produtividade na internet em vez de pesquisarmos sobre a vida conjugal do artista "fulano não sei do que"? Porque em vez de perdermos horas e horas vendo coisas nada produtivas não pedimos dicas para um amigo que sabemos que se organiza melhor que nós? E quem sabe a gente pare de mentir para nós mesmos e comecemos a encarar a verdade por mais que ela doa?

Então: será que a correria é tão culpada quanto imaginamos?



18 Comentários

  1. Oi Fernanda, tudo bem?
    Uma vez no metrô eu fiquei assustada, fui empurrada com toda força a ponto de quase cair e pasme: por uma senhora idosa!!! Na Rua também, são várias pessoas esbarrando forte na gente e ficam irritados como se nós estivéssemos atrapalhando o caminho deles. Sabe, não acho que seja falta de tempo e nem má edução ou até ausência dela. Em minha opinião é intolerância e egoísmo. As pessoas estão cada vez mais convivendo com as máquinas que a tecnologia proporciona e perdendo o convívio social. Seu texto ficou ótimo. Traga mais discussões.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi, Fê!
    E TEM SEX ON FIRE NA CRÔNICA!!! ESSE MOMENTO É MEU!!! Minha música preferida deles <3
    Essa tal "correria" é falta de educação e paciência também. Outro dia, fui atravessar na faixa de pedestre e quase fui atropelada porque o motorista simplesmente não quis esperar eu atravessar (sendo que os carros estavam todos parados).
    Beijos
    Balaio de Babados
    Sorteio Dois Anos de Família Hallinson

    ResponderExcluir
  3. Que texto maravilhoso, sério! Eu concordo plenamente contigo, as pessoas precisam parar de usar a "correria do cotidiano" como desculpa para tudo que elas fazem. Afinal, quem realmente quer fazer alguma coisa arruma tempo, quem não quer arruma desculpas.
    Mil Beijos!
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com.br/2017/05/top-8-novidades-da-semana.html

    ResponderExcluir
  4. Olá, Fernanda.
    Ótimo texto e parabéns pela coragem de escrevê-lo. Falta e muito educação nas pessoas. E a desculpa de falta de tempo não cola há muito tempo. Primeiro porque essas coisas que você citou levam segundos para se fazer e vai deixar o dia de todo mundo melhor e segundo que o tempo é o mesmo para todo mundo, só muda a prioridade, cada um que decide onde e com quem vai usar o seu. Eu sempre comento com uma amiga minha no serviço que até parece que nós duas não temos problemas, porque estamos sempre com um sorriso no rosto, enquanto outras usam a desculpa de problemas em casa para não dar um sorriso ou um bom dia. Pelo menos isso minha mãe me ensinou hehe

    Prefácio

    ResponderExcluir
  5. Oi Fernanda, como vai?
    Seu texto ficou ótimo. Estamos vivendo uma era tecnológica de muita inovação e muita informação. Mas ao mesmo tempo estamos deixando o convívio familiar e social como um todo de lado. As pessoa andam sem paciência, sem educação e principalmente e o mais grave, sem limites. Nada de respeito ao próximo, as leis e a qualquer coisa que seja preciso ter regras para uma boa convivência.
    Torço para que em algum momento as coisas comecem a mudar para melhor.
    Bjus
    Doces Letras

    ResponderExcluir
  6. Sinceramente, quero imprimir seu texto e dar para algumas pessoas. Eu sempre falo que de alguma forma me encaixo nos seus texto, porém, desta vez, tenho o orgulho de dizer que não importa o que aconteça, o quão atrasada possa estar, ao passar pelas pessoas, vou dizer ao menos um "Oi". Isso sempre foi uma questão que meus pais exigiam bastante, então é um costume natural para mim. A questão do metrô, eu relaciono com a saída da escola, porque sinceramente, os alunos do outro período entram empurrando os outros e no fim, ninguém entra. A aula vai começar no mesmo horário, independente do horário que ele chegar, da mesmo forma que falar um "oi" não vai me atrasar para nada. As desculpas se tornam cada vez mais rotineiras.
    Adorei o texto.
    Magia é Sonhar

    ResponderExcluir
  7. Olha eu aqui... :)

    No meu caso, preciso controlar melhor o tempo... parar de procrastinar, de colocar a culpa na "correria", pois sempre há um tempinho, nem que seja ao menos para dizer um ´oi´.

    Gostei do texto e do bom gosto musical...

    ResponderExcluir
  8. Olá!

    Divulgando meu blog encontrei o seu, amei...
    Mas confesso que mexeu comigo esse post, uma crônica perfeitinha...
    Faça-me uma visita, deixe um "oi" que te encontro de volta...rs

    Bjs da Mila!

    https://palavrandoels.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Ótimo texto Fernanda. Se pararmos para pensar, todos nós vivemos na correria com trabalho, faculdade e outrens, mas isso não justifica a falta de educação e muito menos a antipatia. Ser educado e cordial é algo inerente a tempo, estresse e claro, dor de cabeça. Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  10. Oi Fernanda,
    Eu costumo dizer que nada justifica a falta de educação. Até porque, se você tratasse o outro com respeito, ele poderia te ajudar a conseguir o que você precisa mais rápido ainda.
    Ótima reflexão!
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Fico cada vez mais triste em ver que os valores dessa vida se inverteram, que as pessoas são meros objetos tratados a mercê do humor e da vontade das outras, triste. Excelente reflexão! ❤

    www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  12. Oi Fernanda! Como sempre arrasando nos textos! Eu acho que tempo é prioridade porque quem quer faz, agora em algumas situações é falta de educação mesmo, super concordo com vc!!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  13. Oi! Que reflexão, dá vontade de copiar e sai enviando para certas pessoas hahaha adoreeei. Bjos <3

    Click Literário

    ResponderExcluir
  14. Oi Nessa!
    O texto não poderia ser melhor!
    Às vezes estamos tão fechados em nós mesmos e sempre correndo que nem paramos pra dar um bom dia para as pessoas.Isso é algo que precisamos de fato parar e refletir pra não cair na armadilha da correria cotidiana.
    Parabéns pelo lindo texto!
    Beijos!

    http://livreirocultural.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Acaba se tornando um ciclo vicioso, né? Não temos tempo, estamos sempre na correria, nos esquecemos de dar parabéns às pessoas, esquecemos de prestigiá-las, de dar a devida atenção que merecem. Mas concordo em ser falta de educação. A vida corrida nos tornou em mau educados. E olha que um bom dia pode fazer toda a diferença na vida de uma pessoa..

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  16. Sabe o que acho, Nessa? Está tudo tão corrido no mundo, tudo tão instantâneo, tecnologia avançando demais, substituindo muitas vezes o trabalho do ser humano, etc... que muitas pessoas estão cada vez mais esquecendo não só da educação, mas delas mesmas. Nao se cuidam, não se amam, não se respeitam, com isso não dá ao outro também a mesma coisa.

    Bjão.
    Di, Blog Vida & Letras
    www.blogvidaeletras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. Eita, gostei mt da crônica. Tenho certeza que irei dormir pensando nisso, pois eu culpo muito o tempo por não me deixar fazer muitas coisas.. Será que é realmente culpa dele? ou minha? pensarei nisso rs Bjs

    www.mayaravieira.com.br

    ResponderExcluir
  18. Oi Fernanda,
    Adorei o tema do texto, dar um bom dia, um olá, realmente não é falta de tempo, é apenas uma desculpa utilizada pelas pessoas infelizmente.
    Bjs e uma ótima noite!
    Diário dos Livros
    Siga o Instagram

    ResponderExcluir

Não esqueça de deixar seu comentário!